Eu assisti O doador de memórias

20:11

Queria agradecer pelos novos seguidores e por todos os comentários x) Vou retribuir todos, oka? ~aos poucos, porque a tia aqui tá com a vida corrida, rsçrçsçrsç T_T
Olá olá muchachos, como estão?  O ano está quase acabando gente, as férias estão pertinho (e o ENEM também u-u) Eu tô louca pra terminar logo esse 2014, se bem que o ano de 2015 está cheio de incertezas e interrogações da minha vida. Mas quero que acabe logo o colégio, tô louca pra que cheguem logo as provas u-u Pelo menos, acho que minha rotina vai aliviar um pouco. Espero, rs.
Então, o assunto do post é um filme que assisti na minha noite tediosa de domingo: O doador de memórias, filme baseado no livro de Lois Lowry.

A história se passa em uma sociedade perfeita: sem desigualdades, sem cores, sem emoções, sem brigas; as pessoas não têm motivos para entrarem em conflito entre si, e nem com o mundo. Cada um tem o seu papel na sociedade e todos os desempenham em prol desse estado, dessa "paz". 
Ao fazer certa idade, os jovens passam por uma cerimônia na qual será mostrado a função de cada um na sociedade. O fato é que Jonas, nosso personagem principal, é designado para ser o receptor de memórias. Mas o que seria isso? 


Como a sociedade é ~perfeita~ e focada simplesmente no presente, fica a cargo de uma única pessoa guardar todas as memórias da humanidade, desde os casamentos, as músicas, as sensações, os sentimentos até as guerras, doenças e todos os males que envolvem a raça humana. E Jonas é a pessoa escolhida para  receber tais memórias. A partir daí ele conhece o Doador de Memórias, a pessoa que guarda todas as lembranças e que, agora, vai transferi-las para Jonas.
O ponto principal do filme é esse: será que Jonas iria conseguir lidar com tudo aquilo que fez parte da humanidade (desde as coisas boas até as ruins) e que, naquele momento, não existia mais? Seria o certo deixar que a humanidade, apesar da máxima perfeição que reina por ali, viva sem emoções, sentimentos? Deixar a humanidade continuar não sendo humana?




Gostei bastante da história. Esse filme é bem interessante, pois é distópico, mas não possui um governo opressor, violento... É construído em prol da normalidade da vida humana. É construído em cima do conformismo. É bastante reflexivo. Se o governo não é exatamente violento e só está focado na "paz" humana, será que, mudar exatamente aquilo é uma coisa realmente boa? Mudar aquela  realidade "perfeita" é algo ruim? (parece redundante, ou até mesmo confuso, mas é isso mesmo TuT)
Também gostei muito dos personagens. Cheguei a sentir raiva de alguns, mas o fato é que nenhum deles tinha culpa de ver o mundo daquela maneira. Ninguém tinha culpa de não saber o que é o amor, o que é a amizade, o que é a morte. Então, eu sentia mais pena deles do que raiva, hdsuhaduh
Esse é o pai do Jonas e é um dos personagens que marca muito a história. 
Como eu disse, a sociedade é sem cores, então o filme começa preto e branco. A partir do ponto que Jonas começa a ter as lembranças, ele começa a ver as cores aos poucos <3 É muito legal ver ele em contato com as lembranças que, para nós são coisas simples e que se passam despercebidas; mas para ele é algo novo e extraordinário *u* E isso também vale pras coisas ruins: hoje em dia, nós achamos que a mentira, a violência são coisas normais, geralmente tratamos com indiferença. No filme não, eles mostram o verdadeiro horror que tais coisas são.

Simplesmente, adorei! É um filme que eu recomendo <3 É lindo e me fez pensar muito nesse mundo em que vivemos. Me fez querer ver as coisas simples da vida e viver (talvez, ser feliz) me baseando nelas e não em fatos maiores e que geralmente não são reais. 

Espero que tenham gostado
Beijos no coração ~

Você gostaria de ver

8 comentários

  1. Oiii, eu estou bem e você?
    Eu também quero que esse ano acabe logo, haha. Você está no 3º ano já? Quando terminar você vai ver que paz de espírito a gente tem, aeuhaeuh, mas as vezes dá uma saudade -as vezes-.
    But enfim, eu tô louca pra ver esse filme e também ler o livro, mas o cinema daqui é pequeno e acho que não vem esse filme -q, ele parece ser tãão bom, eu ainda não tinha lido a opinião de alguém que já viu o filme, adorei o que você falou dele, e isso de começar preto e branco e só depois ver as cores, parece ser muitoo interessante.

    Seguindo você, te espero no meu ♥
    Beijos da Jéss ♥.
    Brilliant Diamond | Fan Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou legal :) Que bom que estás bem *u*
      2014 já deu pra mim (no meu aniversário eu vou me arrepender de estar proclamando isso, rs) e sim, estou no terceiro :) Eu sinto que vou sentir saudades (já estou sentindo), mas só o peso que vai tirar das minhas costas me faz querer ansiar pelo fim.
      Aww, que pena :( Eu nem sei se o filme tá em cartaz por aqui ainda, assisti pela internet mesmo, uhehehe xD Eu tô louca pra ler o livro também :33 É muito interessante mesmo, e isso agrega mais ~conteúdo~ ao filme, já que as cores fazem parte da história e do entendimento dela. Espero que goste *u* Thanks <33
      Kissus

      Excluir
  2. numa sociedade perfeita as pessoas seriam indiferentes? poxa u.u. e eu que tinha curtido a ideia do filme...mas a história me pareceu boa. me lembrou de outro (que não recordo o nome) onde as pessoas viviam de um jeito certinho até demais (também não tinham sentimentos muito fortes). ((ᴇᴍɪʟɪᴇ ᴇꜱᴄʀᴇᴠᴇ))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é legal, gostei bastante :) A perfeição, no caso, não é perfeita. Ok, deu bug no meu cérebro, mas é tipo isso, djsaijdaisdiasj .-.

      Excluir
  3. Eu curti muito o filme, principalmente o fato dele ir tomando cor ao longo do filme, ficou um amor <3
    Beijoos ♡ || Caramelos Encantados

    ResponderExcluir
  4. Minha amiga leu o livro, e ficou muito ansiosa pra ver o filme de tão bom que achou. Eu fiquei muito curiosa, mas quero ler o livro antes do filme. Só pelo o que você disse, parece ser muito legal, gosto de ver filmes que mexem com a gente (~º3º)~
    Vi que no seu skoob você tá lendo o Filho de Netuno. O que tá achando do livro? Eu li os três primeiros da série Heróis do Olimpo, e tô querendo muito A Casa de Hades. Os dois primeiros livros foram os meus preferidos (Jason é um amor, gente) <3
    Minha Morfina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também sou dessas que lê o livro antes, mas esse, eu não pude esperar. Até porque eu estou querendo comprá-lo e não sei quando vai ser possível. E se eu ler em ebook, eu acabo não comprando ;-; Então, resolvi assistir antes, dakdoakdoak.
      Sim, estou lendo <3 Lendo em ebook mesmo, porque cansei dos spoilers que me deram. Eu tô gostando muuuuuito do livro, já sou suspeita pra falar kdaokdaokdoak Também adorei o Jason *conheço ele só pelo primeiro livro, mas é amor gents dksaokdoakda* e o Leo também. Tô louca pra acabar e começar o próximo <3

      Excluir

olá, obrigada por comentar!
sim, vou responder seu comentário e se você deixar o link do teu blog aqui tentarei fazer uma visita, e, quem sabe, marcamos para tomar sorvete qualquer dia desses.
beijos no coração!